Pesquisa sobre acessibilidade no Campus pede colaboração da comunidade universitária

Pesquisa sobre acessibilidade no Campus pede colaboração da comunidade universitária

Trabalho iniciado pela professora Jaqueline Vercezi pretende identificar problemas nas calçadas e pontos de acesso ao Campus.

A professora Jaqueline Telma Vercezi, do Departamento de Geociências, do Centro de Ciências Exatas (CCE) iniciou uma pesquisa para identificar problemas nas calçadas e pontos de acesso no Campus e está solicitando a colaboração da comunidade universitária para sua realização, respondendo a um questionário online. A pesquisa tem como título “Acessibilidade e direito à cidade: estudo sobre a mobilidade espacial urbana no Campus da Universidade Estadual de Londrina e arredores” e objetiva avaliar a percepção sobre as condições físicas das calçadas do campus e se estas se enquadram ou não em padrões mínimos de mobilidade e acessibilidade.

Para a pesquisadora, a participação na pesquisa “trará benefícios que irão reverberar para toda a comunidade universitária, através do estímulo aos gestores em implantar melhorias de mobilidade e acessibilidade”. O estudo é um subprojeto de pesquisa sobre mobilidade, de Iniciação Científica, desenvolvido pela estudante Heloísa Mantovani e orientado pela professora Jaqueline. A ideia é concluir até agosto e viabilizar a apresentação do trabalho na XXXVIII Semana de Geografia da UEL, também em agosto.

Pesquisa vai ouvir comunidade acadêmica sobre as condições das calçadas no Campus (Agência UEL)

Caso concordem em responder voluntariamente, a professora informa aos participantes que o questionário tem 12 questões e deve levar entre 5 e 7 minutos para ser respondido, sem identificação, até o dia 30 de junho. Em caso de dúvida, é possível entrar em contato com a professora pelo e-mail jaqvercezi@uel.br.

O questionário pode ser acessado aqui.

especializaçao pos uel
isenção vestibular uel
especializacao-uel-2022
isencao-vestibular-uel-2023
previous arrow
next arrow
Leia também