UEL inicia segundo semestre no dia 24 adotando preferencialmente aulas remotas

UEL inicia segundo semestre no dia 24 adotando preferencialmente aulas remotas

Os membros da Câmara também aprovaram a utilização de atividades presenciais considerando as especificidades dos cursos .

Reunida na tarde desta quinta-feira (20), a Câmara de Graduação da UEL indicou o retorno das atividades acadêmicas, preferencialmente, em formato remoto emergencial pelas próximas três semanas, a partir desta segunda-feira (24). Os membros da Câmara também aprovaram a utilização de atividades presenciais considerando as especificidades dos cursos previstas nos planos especiais de matriz curricular. Desta forma, não há alteração do calendário acadêmico, ou seja, o segundo semestre letivo de 2021 será iniciado a partir da próxima segunda-feira (24).

Nesta quinta-feira (20), o sub grupo responsável pela Vigilância Sanitária e de Acompanhamento da Covid-19 da UEL indicou que a volta dos estudantes é segura considerando o uso obrigatório de máscaras, reforço da higiene e com uma comunidade de quase 99% com o esquema vacinal completo, a orientação foi para que essa volta presencial possa ser feita de modo escalonado. Com base nessas informações, a Câmara de Graduação considerou prudente o ajuste dos planos, o que permitirá uma melhor avaliação das condições sanitárias diante do aumento do número de notificações registrado na cidade e no Paraná nos últimos dias.

“Nosso calendário acadêmico está mantido e estamos atuando com cautela neste retorno, para que todas as recomendações sanitárias sejam cumpridas e que mantenhamos um nível alto de segurança”, pontua o reitor em exercício, Décio Sabbatini Barbosa. Todos os procedimentos necessários para o retorno presencial foram tomados, as salas de aula e demais espaços foram higienizados. O uso de máscara será obrigatório em todos os locais da Universidade. Haverá álcool 70% para reforço da higiene de mãos em todos os Centros e demais unidades. Uma campanha de esclarecimento sobre o retorno seguro será desencadeada internamente a partir da retomada das aulas. 

Condições sanitárias

Segundo avaliação do sub-grupo sanitário é possível observar aumento do volume de casos positivos da Covid-19 no Brasil e na região de Londrina, e embora o número de contágio e taxa de positividade sejam grandes, não tem se verificado, em Londrina, uma ampliação dos casos graves, e as unidades hospitalares de UTI e enfermaria possuem níveis baixos e moderados. Diferente do ano passado, o volume de óbitos se mantém baixo, apesar do grande número de infectados. De acordo com os especialistas, os casos graves ocorrem, em grande parte, em pacientes que não foram vacinados. 

Vacinação – O mapeamento realizado com professores, estudantes e agentes universitários demonstrou que 98,85% da comunidade universitária está vacinados. Os dados foram apresentados no início dessa semana e o formulário continua disponível para preenchimento no Portal do Estudante e Portal do Servidor

Nesta sexta-feira (21) a administração da UEL deve divulgar mais orientações sobre o retorno das atividades a partir da próxima segunda-feira (24). Estudantes, professores e agentes universitários receberão instruções para uso de espaços coletivos como Restaurante Universitário, Bibliotecas Central e Setoriais e dos serviços e demais unidades da Universidade. 

Mapeamento mostra quase totalidade de vacinados na comunidade universitária

(FOTO: Arquivo/COMUEL).

especializaçao pos uel
isenção vestibular uel
especializacao-uel-2022
isencao-vestibular-uel-2023
previous arrow
next arrow
Leia também