4ª Simulação das Nações Unidas debate mudanças pós Covid-19

4ª Simulação das Nações Unidas debate mudanças pós Covid-19

Lema do evento, que ocorre entre os dias 4 e 5 de junho, é "Perceba a Mudança, Cultive o Novo". Objetivo é emular a atuação seguindo Modelo das Nações Unidas (MUN).

Isabella Abrão

Agência UEL


“Perceba a Mudança, Cultive o Novo”. Este é o lema da quarta edição da Simulação UEL das Nações Unidas (SUN), que será realizada nos dias 4 e 5 de junho. O tema foi pensado para representar o renascimento da sociedade após a pandemia da Covid-19. O evento é organizado pelo curso de Direito e pela Equipe de Competições e Simulações da UEL (SimulaUEL), do Centro de Estudos Sociais Aplicados (CESA). O objetivo é simular a atuação de organismos internacionais, seguindo o Modelo das Nações Unidas (MUN).

Diferente da última edição da SUN, as atividades deste ano serão promovidas no formato presencial, no anfiteatro e salas de aulas do CESA. O evento é voltado para alunos e ex-alunos da graduação de todos os cursos da Universidade, proporcionando aos participantes a oportunidade de debater sobre tópicos relevantes da agenda internacional, seguindo as regras de procedimento das reuniões reais da Organização das Nações Unidas (ONU), bem como de outros Comitês internacionais.

A SUN é supervisionada pela professora Márcia Teshima, do Departamento de Direito Privado do CESA. De acordo com a secretária administrativa do evento, a estudante Débora Queiroz, do segundo ano do curso de Direito, é importante debater sobre os direitos humanos e, por isso, todos os temas escolhidos são atuais. “Tem que pesquisar muito sobre aquilo, se manter atualizado, treinar a sua oratória e, principalmente, descobrir como que o país que você está representando pensa”, explica a estudante. “É um exercício de coerência”, afirma sobre o evento.

Simulação

Durante a simulação, os estudantes atuarão como delegados na representação de um país, posicionando-se de acordo com a política externa nacional. Além disso, a SUN também possibilita que os participantes representem Chefes de Estado, Ministros, Juízes, Políticos e até jornalistas, cobrindo as discussões que ocorrerem durante a Simulação.  Após receberem a designação de um país ou organização não governamental, os alunos ganham um manual introdutório com explicações sobre o tema do evento, causas significativas e dados, além de um breve resumo sobre cada país participante.

Ao todo, os representantes participarão ativamente dentro de cinco comitês temáticos: Assembleia Geral – criação do Estado de Israel, Conselho de Segurança – Afeganistão e o retorno do Talibã; Conselho do Patrimônio Cultural e Natural – O território e cultura indígenas enquanto patrimônio culturais e naturais da Humanidade; Conselho de Direitos Humanos das Nações Unidas – A crise climática e o direito ao meio ambiente; Organização dos Estados Americanos – A manutenção da democracia e liberdade de expressão na América Latina.

(*Estagiária na COM/UEL)

vestibular UEL 2023 inscrição
vestibular UEL 2023 inscrição
Vestibular-2023-uel
Vestibular-2023-uel
previous arrow
next arrow
Leia também