Vertentes do insólito são temas de curso com inscrições abertas

Vertentes do insólito são temas de curso com inscrições abertas

O curso começa no próximo dia 28 de setembro, às 19h30, com transmissão online. As inscrições estão abertas aos interessados.

História de vampiros e de estátuas que ganham vida são temas recorrentes na literatura e aguçam a atenção dos leitores por apresentar fatos que não podem ser explicados pela razão. Uma teoria de análise de texto literário, chamada de insólito, estuda especificamente essas narrativas e será tema do curso Iluminuras teórico-analíticas sobre as vertentes do insólito. O curso começa no próximo dia 28 de setembro, às 19h30, com transmissão online. As inscrições estão abertas e podem ser feitas AQUI.

A palestra de abertura será ministrada pela professora Ana Lúcia Trevisan, da Universidade Presbiteriana Mackenzie, de São Paulo, que falará sobre “Insólito”. O curso segue até 2 de outubro, abordando os diversos subgêneros do insólito, como horror, duplo, fantástico e neofantástico, real maravilhoso e realismo mágico. A programação completa está disponível AQUI.

(Divulgação)

Como explica a coordenadora do curso, Cláudia Cristina Ferreira, professora do Departamento de Letras Estrangeiras Modernas, do Centro de Letras e Ciências Humanas (CCH), ocorrem fatos no texto literário que não podem ser explicados segundo a razão cartesiana. “Não tem como justificar, por isso falamos em insólitos, que não é comum, não dá para se racionalizar”, afirma.

“Como uma estátua se transforma em pessoa?”, questiona a professora ao se referir ao livro “O sumiço da santa”, de Jorge Amado. A obra conta a história de uma estátua de madeira, que representa a imagem de Santa Bárbara. Exposta no Museu de Salvador, ela se transforma em mulher de carne e osso e começa a fazer travessuras pelas ruas. Segundo Cláudia, é este tipo de narrativa que o insólito e seus subgêneros analisa.

Organização – O curso é realizado pelo Departamento de Letras Estrangeiras Modernas, do Centro de Letras e Ciências Humanas (CCH) da UEL, com apoio da Universidade Estadual do Paraná (UNESPAR) e da Universidade Presbiteriana Mackenzie.

banner mestrado
banner-03
previous arrow
next arrow
Leia também