Museu Histórico divulga programação dentro da 19ª Semana Nacional de Museus

Museu Histórico divulga programação dentro da 19ª Semana Nacional de Museus

Outros Museus de Londrina e região também terão atividades ligadas ao tema nacional "O futuro dos Museus: Recuperar e Reimaginar".

Cinco museus de Londrina e região realizam, entre os dias 17 e 20 de maio, a 19ª Semana Nacional de Museus – entre eles, o Museu Histórico de Londrina Padre Carlos Weiss, órgão suplementar da UEL. O evento, proposto pelo Instituto Brasileiro de Museus (IBRAM), do Governo Federal, tem o objetivo de repensar e reimaginar a atuação dos museus em todo o País. Em Londrina e região, participam, além do Museu Histórico de Londrina, o Museu de Arte de Londrina, o Museu Municipal de Rolândia, o Museu Histórico e de Artes de Ibiporã e o Museu do Café, também em Ibiporã.

(Divulgação)

Papel dos Museus

Segundo a diretora do Museu Histórico de Londrina e professora do Departamento de História, do Centro de Letras e Ciências Humanas (CCH), Edmeia Ribeiro, o evento vem na esteira de algumas preocupações do IBRAM. “Há a necessidade de se repensar o lugar e papel dos museus, e uma dessas necessidades é pensar em acervos digitais”, afirma.

A digitalização, que vem acelerada com o avanço tecnológico, traz algumas reconfigurações no modo de se pensar um museu, segundo Edmeia. “O museu não é só espaço de visitação, é, também, um local de pesquisa. Muitos documentos chegam somente em formas digitais. Antes, tínhamos a dimensão do toque, mas hoje pode não ser possível tocar esses documentos”, avalia.

Outro ponto em debate é mostrar à comunidade o que cada um desses museus da região abriga e oferece, o que vai além da simples contemplação de documentos ou objetos. “Os museus, há algum tempo, não são apenas espaços de exposições de curta ou longa duração. Muitas pessoas vão lá para conviver, utilizar o espaço, seja para lanchar ou namorar. É um local de pesquisa, aprendizado, visitação”, comenta.

Esse status de espaço de convivência, para a pesquisadora, é fundamental para contornar a ideia de que o museu é um espaço de contemplação. “Essa visão ‘oitocentista’ de museu não é mais aplicável hoje em dia”, responde.

(Divulgação).

Programação – O evento conta com duas atividades por dia, durante quatro dias, no período da tarde. Em destaque, no dia 18, Edmeia ministra a palestra “A Museologia Social e Seus Desafios”. A atividade de encerramento do evento traz uma reflexão a respeito da abertura dos museus em tempos de pandemia. Quem ministra a palestra “Reabertura cultural além dos protocolos” é gestora cultural, curadora e consultora Beth Ponte. A programação completa do evento pode ser conferida no banner.

(FOTO: Arquivo/COMUEL).

pss professor uel
especializaçao pos uel
isenção vestibular uel
PSS-UEL
especializacao-uel-2022
isencao-vestibular-uel-2023
previous arrow
next arrow
Leia também