Com o tema “Feiúra”, Cursinho da UEL promove 4ª Semarte

Com o tema “Feiúra”, Cursinho da UEL promove 4ª Semarte

Exposição será nos dias 13, 14 e 15. Animação Planeta Fantástico (1973) será exibida nesta segunda, além de oficinas de teatro, literatura, entre outras.

Meire Sebastião*

Agência UEL


O Curso Especial Pré-Vestibular da UEL (CEPV) promove, nesta segunda (13), terça (14) e quarta (15), a 4ª edição da Semarte. Com o tema “Feiúra”, o evento terá exposição de arte, cinema, palestras, debates e oficinas. A programação é voltada para estudantes do cursinho e será no período vespertino, das 14h às 17h, e noturno, das 19h às 22h. 

Após dois anos de forma remota, a Semarte retoma o formato presencial neste ano. O evento tem como objetivo evidenciar a importância da arte e promover reflexões a respeito dela. “Esse evento foi pensado para valorizarmos a arte dentro do cursinho e dentro da nossa vida no geral, para questionarmos as formas artísticas, a disciplina de Artes, a História da Arte, a Literatura. Enfim, para trazer questões que somente com as aulas não conseguiríamos tratar”, explica Gabriella Ribeiro, instrutora do CEPV. 

4ª Semarte reúne estudantes, instrutores e professores do CEPV nesta segunda, terça e quarta-feiras.
Divulgação

Para o primeiro dia de evento, estão programadas oficinas de Escrita Criativa e de Desenho Expandido, apresentação artística e palestra. No segundo dia, haverá exibição e discussão da animação adulta Planeta Fantástico (1973), oficinas de Cianotipia e Light Paiting, além de apresentação artística. Para finalizar, o último dia será composto por palestra de literatura, oficina de Técnicas de Fotografia e discussão sobre “O que é belo e o que é feio?”. As oficinas e palestras serão ministradas por professores e estudantes de graduação da UEL. Durante os três dias de evento, haverá exposição artística composta por obras de estudantes e instrutores do cursinho.

Além da importância acadêmica, o evento contribui para o desenvolvimento pessoal de alunos e instrutores, tornando a participação nas atividades essenciais. “A importância do evento é promover um momento de cultura e aprendizado fora dos meios tradicionais de educação, para trabalhar com outros tipos de habilidades dos alunos e também avaliar o estresse e tensão dos alunos nesse momento difícil”, aponta a instrutora do CEPV Marina Bosco.

*Estagiária na COM/UEL.

especializaçao pos uel
isenção vestibular uel
especializacao-uel-2022
isencao-vestibular-uel-2023
previous arrow
next arrow
Leia também