Programação especial do Planetário instiga curiosidade de crianças sobre os mistérios do universo

Programação especial do Planetário instiga curiosidade de crianças sobre os mistérios do universo

Exibições estão lotando o Planetário desde a última terça (19). Capacidade é de 40 lugares. Uso de máscara é obrigatório.

Dezenas de crianças que cursam o Ensino Fundamental estiveram presentes no Planetário de Londrina, na tarde desta quarta-feira (20), segundo dia da programação especial do período de férias escolares. Por volta das 14h, uma fila já estava formada para a retirada dos ingressos, limitados a um por pessoa, de modo que nem todos conseguiram acompanhar as sessões do dia. Com capacidade para 40 pessoas por sessão, o Planetário exibe até este sábado filmes infantis com entrada gratuita, sempre às 15h e 16h. Por isso, quem deseja conferir a programação precisa se programar. O uso de máscaras no interior do Planetário é obrigatório.

Mãe de dois meninos – Murilo, 11, e Vinicius, 5, –  a assistente administrativa Marielle Galbes disse que não imaginava o quanto a experiência de ver um filme projetado em um “céu” estrelado seria encantadora. “Achei muito legal a forma como é apresentado porque você não imagina, é muito diferente. Você vê o céu todo estrelado e tudo inserido na história do filme, por ser refletido no teto é muito legal”, diz. 

Na tarde desta quarta-feira, o Planetário exibiu o filme “A Janela Mágica”, que conta a aventura do garoto Joãozinho e seu cão Thor em uma missão rumo ao Telescópio Espacial Hubble. Entre constelações, planetas, nebulosas e estrelas, a aventura do protagonista tem a capacidade de apresentar o universo às crianças utilizando animações.

“Eu achei uma boa forma de explicar as constelações e as estrelas para as crianças, principalmente. Eu já tinha visto na escola. A formação de novas estrelas é bem impressionante, eu acho bem legal. Se eu pudesse, eu viajaria pelo espaço, sim”, diz Murilo Galbes, estudante do 6ª ano do Colégio Sesi.

Visitas ao Planetário reúnem jovens de todas as idades e seus pais.
Visitantes também podem observar o sol através de um telescópio cujas lentes fazem os raios convergirem em um ponto (Agência UEL)

Fascínio e curiosidade

Entretanto, os visitantes também terão contato com dados da cronologia das descobertas e a formação dos planetas, além dos fenômenos identificados pela ciência, como o choque entre galáxias, o que dá início a um processo de fusão.

De acordo com a planetarista Alessandra Ribeiro, a procura das famílias tem sido muito grande, de modo que a equipe avalia a possibilidade de incluir sessões extras. Em contato com as crianças nas visitas escolares, Ribeiro considera fascinante acompanhar de perto o processo de descoberta. “Expansão da curiosidade da criança. Ela vê que não estamos só aqui, que somos um pontinho e que existem muitos outros pontinhos no universo. Ela começa a se questionar ‘será que só aqui tem vida?’ Esse universo é tão grande. Instiga esse fascínio pela ciência e pela astronomia”, avalia. 

No mesmo sentido, a estudante de Artes Visuais da UEL e astróloga Sol Dante comenta que estar em contato com as descobertas e mistérios do universo faz com as crianças desenvolvam a vontade de estarem ainda mais integradas ao mundo.

“Acho que traz uma expansão da visão e da percepção de que não tem só a nossa galáxia, o nosso planeta e que tudo se dilata, percebendo que as coisas estão em movimento também. Isso pode até ser simbólico porque esse cosmos que está por fora também está dentro da gente, também temos esse movimento”, avalia.

Programação

A programação completa inclui os filmes “O Príncipe sem Nome”, “Tainá-Kan” e “O Céu de Londrina”, e pode ser conferida no portal do Planetário de Londrina.  

Localizado na rua Benjamin Constant, 800, o Planetário faz parte do Museu de Ciência e Tecnologia da UEL e conta com um projetor óptico-mecânico que simula o céu visível de qualquer ponto sobre a superfície da Terra e em qualquer data.

As sessões voltadas às escolas do município serão retomadas no dia 25 de julho, sendo necessário realizar o agendamento. Já a próxima sessão aberta ao público está marcada para o dia 27 de agosto, em três horários. Os filmes exibidos serão “Tainá-Kan” e “Voyager – Mensageiro Para as Estrelas”.

vestibular UEL 2023 inscrição
vestibular UEL 2023 inscrição
Vestibular-2023-uel
Vestibular-2023-uel
previous arrow
next arrow
Leia também