CEPV da UEL tem mais de 50 aprovados em 1ª convocação do Vestibular

CEPV da UEL tem mais de 50 aprovados em 1ª convocação do Vestibular

Classificados foram convocados para 27 cursos de graduação da Universidade. Número pode aumentar com a 2ª convocação.

Willian C. Fusaro

Agência UEL


O Cursinho Especial Pré-Vestibular (CEPV) da UEL teve 54 estudantes matriculados aprovados na 1º convocação do Vestibular 2021, divulgada no último dia 5. Ao todo, o cursinho teve 450 estudantes matriculados, entre os quais 120 estudantes permaneceram nas aulas remotas em meio à pandemia de Covid-19. O número de aprovados que assistiram às aulas, disponíveis gratuitamente no site desde o dia 30 de março do ano passado, pode ser ainda maior.

Os estudantes foram convocados para os cursos de Administração, Arquitetura e Urbanismo, Artes Cênicas, Ciências Biológicas, Artes Visuais, Ciências Contábeis, Design Gráfico, Direito, Enfermagem, Engenharia Civil, Farmácia, Engenharia Elétrica, Filosofia, Física, Fisioterapia, História, Jornalismo, Letras, Medicina Veterinária, Design de Moda, Música, Odontologia, Pedagogia, Química, Relações Públicas, Serviço Social e Matemática.

(Divulgação/CEPV).

Segundo a coordenadora do CEPV da UEL, Rita de Cássia Rodrigues Oliveira, a quantidade de aprovados em relação aos matriculados representa o esforço em um momento crítico. “De 120, tivemos 54 aprovados, quase metade. É uma boa marca. Nos sentimos com uma sensação de dever cumprido, também por termos disponibilizado os conteúdos online, de forma pioneira, ainda antes da graduação”, comenta a coordenadora.

Vale ressaltar que o número de convocados pode ser ainda maior, pois a Coordenadoria de Processos Seletivos (COPS) divulga na próxima terça-feira (13), ao meio dia, a 2ª convocação do Vestibular 2021.

Aulas abertas e gratuitas

O esforço de manter as aulas online, com cinco horas diárias de conteúdo, é avaliado pela coordenadora como uma forma de ajudar na inclusão. “Deve ser levado em conta que os estudantes tiveram que lidar com um contexto de aulas remotas, dificuldades de conexão e ainda conciliar estudos com trabalho e afazeres domésticos”.

Por conta disso, a grande evasão – dos 450 estudantes, só 120 se mantiveram nas aulas – foi um reflexo das condições complicadas impostas pelo contexto. “Agora, estamos com a turma cheia novamente, de 2021. Esperamos que a evasão seja menor”.

(FOTO: Arquivo/CEPV).

Divulgação do vestibular da UEL - 2021
Leia também