Seminário online debate educação pública e privatização

Seminário online debate educação pública e privatização

Evento vai até sábado e discute relações entre público e privado na educação. Um dos destaques é a professora Virgínia Fontes, da UFF.

Pedro Livoratti

Agência UEL


Começa nesta quinta-feira (25) o “III Seminário Nacional Estado Ampliado e Hegemonias: as formas de empresariamento da educação pública”, que será realizado até sábado (27) pela plataforma YouTube do Grupo de Pesquisa em Educação, Estado Ampliado e Hegemonias (GPEH/UEL). O objetivo é compartilhar e difundir estudos sobre a educação brasileira, com foco nas políticas educacionais implementadas por meio de fundações, institutos e organizações empresariais voltadas para o ensino. A coordenação é da professora Adriana Medeiros Farias, do Departamento de Educação, do Centro de Educação, Comunicação e Artes (Ceca), e líder do GPEH.

A abertura do seminário será logo mais, às 18h30, com a professora Virgínia Fontes (UFF) com palestra sobre o tema Educação, políticas educacionais e luta de classes. Nesta sexta (26), também a partir das 18h30, o tema será Empresariamento da Educação Pública no Brasil: o capital educador, com o professor Rodrigo Lamosa, do Laboratório de Investigação em Estado, Poder e Educação da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ). No sábado estão previstas apresentações de trabalhos a partir das 8h30.

A programação completa pode ser acessada nas redes sociais do grupo. Mais informações podem ser obtidas pelo e-mail pesquisa.estadoampliado@gmail.com.

vestibular UEL 2023 inscrição
vestibular UEL 2023 inscrição
Vestibular-2023-uel
Vestibular-2023-uel
previous arrow
next arrow
Leia também