Projeto investe na formação profissional para o mercado financeiro

Projeto investe na formação profissional para o mercado financeiro

O UEL Finance Club foi criado há dois anos por estudantes de Administração. Iniciativa agrega alunos de Ciência Contábeis e Direito e procura novos integrantes.

A oferta de cursos ou projetos que envolvam o mercado financeiro é escassa em universidades públicas do Brasil. Pensando nisso, um grupo de estudantes do Centro de Estudos Sociais e Aplicados (CESA) criou o projeto de extensão interdisciplinar, com foco em entender e capacitar jovens para atuar no mercado financeiro. O UEL Finance Club, ativo desde o fim de 2019, busca novos integrantes para compor a equipe e enfrentar os desafios do mercado de investimentos.

O diretor de Parcerias do clube, Lucas Saffaro, que integra o projeto desde o início, conta que a ideia surgiu da mente de um estudante de Administração em 2019, Felipe Alves Rodrigues, atualmente já graduado. Na época, segundo Lucas, o estudante encontrava-se bastante entusiasmado para atuar no mercado financeiro, mas não haviam ofertas de cursos ou grupos de estudo para desenvolver ações na área.  Decidiu, então, reunir estudantes interessados em desenvolver a ideia. 

O projeto tomou corpo e abrangeu não só estudantes de Administração, mas também de Ciências Contábeis e Direito. “No início, estruturamos o Finance Club com aulas introdutórias sobre todas as frentes de atuação do mercado financeiro. É um curso introdutório de dois meses, para o novo integrante conhecer o básico”, explica. Depois, já munido das principais informações e conhecimentos sobre a área, o integrante pode escolher para qual delas quer seguir (fusão e aquisição, agente autônomo, entre outras áreas). A partir disso, o novo ingressante inicia um projeto, individual.

O UEL Finance Club é coordenado pelo professor Paulo Marcelo Ferraresi Pegino, do Departamento de Administração, do CESA. Compõe a diretoria do grupo, além de Lucas, o presidente, Leonardo Cabral Guimarães (Administração); Philipe Brasil Lovo de Souza, vice-presidente (Administração); Ana Paula Naomy Kadoya, diretora de Gestão de Pessoas (Administração); Patrick Henrique Rocha, diretor de Eventos (Economia); e Eduardo Navarro, diretor de Projetos (Direito). O clube é composto por dez integrantes.

Parcerias – O projeto de extensão tem, atualmente, seis empresas parceiras com as quais desenvolvem trabalhos conjuntos. Esses parceiros podem absorver projetos de estudantes, além de oferecer oportunidade de emprego Lucas explica que, em dois anos de atividade, seis estudantes conseguiram desenvolver projetos e seguir no mercado financeiro.

Uma das ambições da liga, agora, é fazer com que integrantes atuais consigam atuar na formação dos integrantes que vão chegar: a intenção é estabelecer uma rotatividade de estudantes, selecionando os mais interessados, sem deixar que haja desníveis de conhecimento entre todos. “Temos que deixar as pessoas com um grau de conhecimento próximo sobre o mercado financeiro, para que tenhamos quem forme novos integrantes e para que a capacitação continue de forma completa”, ressalta o diretor de Parcerias.

Expansão – O desafio, neste momento, é “expandir as fronteiras do projeto”. “Os integrantes estão bastante restritos ao nosso centro (CESA). Por isso, abrimos inscrições a todos os interessados, independe do Centro”, comenta.

Interessados em se inscrever no UEL Finance Club podem acessar o formulário de inscrição – AQUI. Nesta quinta-feira, dia 11, o grupo realizará live, às 20 horas, para esclarecer os interessados sobre o funcionamento do clube. Quem quiser também pode participar do grupo – CONFIRA

Mais informações sobre a liga podem ser encontradas na rede social do grupo – ACESSE AQUI.

pss professor uel
especializaçao pos uel
isenção vestibular uel
PSS-UEL
especializacao-uel-2022
isencao-vestibular-uel-2023
previous arrow
next arrow
Leia também