Comunicado aos usuários de planos de saúde da Universidade

Comunicado aos usuários de planos de saúde da Universidade

Unimed informou aos segurados e à administração da UEL, não ter mais interesse em manter o contrato empresarial.

publicado por

Agência UEL


A administração da Universidade comunica aos usuários e interessados em planos de saúde da UEL que a Unimed e a Hospitalar são operadoras privadas de Planos de Saúde que possuem planos empresariais com a UEL. Essas duas operadoras foram as classificadas em chamamento público realizado em fevereiro de 2011, chamamento esse que permite a celebração dos contratos. Nos contratos firmados entre a UEL e as operadoras, o aporte de recursos é realizado pelos servidores docentes e técnicos que aderem, voluntariamente, a uma das operadoras, uma vez que a UEL está legalmente impedida de aportar recursos. O total de pessoas pertencentes à comunidade universitária com vínculo empregatício com a UEL é de 4324 sendo 1640 docentes e 2654 técnicos.

Na última sexta feira (3/9) a Unimed informou a seus segurados, 402 docentes e 499 técnicos, e à administração da UEL, não ter mais interesse em manter o contrato empresarial com a Universidade. Informou, ainda, que disponibiliza aos seus segurados, como opção, a migração para um contrato assinado com a Associação de Pessoal da UEL (APUEL), mantendo os prazos e as carências dos planos individuais já em vigor de cada servidor docente ou técnico. A justificativa apresentada pela operadora é a necessidade de buscar sustentabilidade e manter preços atrativos a partir de novas adesões, como a de professores e servidores temporários e aposentados.

A decisão da Unimed de não manter o contrato ocorreu após diversos meses de negociação entre a administração da UEL e os planos de saúde (Unimed e Hospitalar). A negociação teve como objetivo manter a qualidade do atendimento sem a aplicação de reajustes mais elevados do que os minimamente razoáveis de serem praticados no contrato empresarial da UEL com as operadoras. Durante as tratativas a migração do Plano Empresarial para um Plano Coletivo por adesão esteve em questão.

A Administração da UEL reuniu-se com os representantes dos docentes e dos técnicos, Sindicato dos docentes do ensino superior público estadual de Londrina e Região (Sindiprol/Aduel) e o Sindicato dos Técnicos-administrativos da UEL (Assuel), e, também, com o Conselho de Administração para informar que a migração era uma possibilidade. Várias dúvidas e questionamentos surgiram o que gerou várias outras reuniões com as operadoras. Dentre as dúvidas a que não obteve resposta definitiva por parte das operadoras é se haveria uma taxa de administração no Plano Adesivo por Adesão. Diante do impasse a UEL solicitou já há alguns meses a prorrogação do Contrato Empresarial por 12 meses. A Hospitalar demonstra interesse na manutenção do contrato e a Unimed informou semana passada não ter interesse e já ter a negociação com a APUEL.

Visando a manutenção dos direitos dos segurados da UNIMED, duas ações são possíveis aos usuários: a primeira é a respectiva migração do plano de saúde atual para o plano Coletivo por Adesão, que será regido por contrato firmado entre a APUEL e a UNIMED, ao qual os servidores associados já poderão aderir.  Para os servidores que ainda não são sócios da APUEL, será possível a vinculação com a associação por meio de uma filiação para fins de convênios, ao custo de R$ 20 por mês. Outra ação possível para o servidor é a migração para a Hospitalar – Planos de Saúde que está em negociações para prorrogação do contrato com a UEL. A Hospitalar também está em negociação para firmar acordo com a APUEL com o objetivo, inicial, de abrigar aos docentes e técnicos temporários.

Com a abertura dos novos contratos entre as operadoras e a APUEL, será possível a inclusão de usuários que possuem vínculos com a UEL, mas que não eram cobertos pela modalidade de plano vigente, tais como professores temporários e aposentados, bem como familiares não cobertos por planos Empresariais.
 
Reajustes e regras

A UNIMED informou que os reajustes do plano atual foram aplicados no mês de agosto de 2021, e que, para os servidores que decidirem migrar para o plano Coletivo por Adesão poderá incidir um desconto, que deverá ser negociado entre as partes. A operadora também divulgou um comunicado, que pode ser acessado nesse link, com informações sobre os planos e suas regras e os passos para realizar o cadastro e formalizar a migração. Para os que aderirem à migração, a partir de outubro, as mensalidades deixam de ser descontadas em folha de pagamento e serão cobradas por meio de boleto que chegarão às residências dos segurados. Haverá opção para autorização de débito em conta corrente.
 
Mais informações

Informações e mais detalhes sobre a migração para o novo plano da UNIMED e APUEL podem ser obtidas na própria Associação pelo telefone (43) 3371-4406 ou junto à operadora do plano de saúde pelo número (43) 3375-6000 e whatsapp – (43) 99996-1196. Já os interessados em realizar a migração para a Hospitalar – Plano de Saúde deverão entrar em contato pelo telefone 0800 942 2881.

vestibular UEL 2023 inscrição
vestibular UEL 2023 inscrição
Vestibular-2023-uel
Vestibular-2023-uel
previous arrow
next arrow
Leia também