Projeto Safety do CCS completa quatro meses e apresenta resultados

Projeto Safety do CCS completa quatro meses e apresenta resultados

Lançado em 31 de março deste ano, o projeto tem o objetivo de abordar informações sobre o novo coronavírus e a COVID-19.

Reinaldo C. Zanardi

Agência UEL


Dez grupos de trabalho, mais de 80 membros, 12 boletins publicados, sete produções via Youtube, perspectiva de registro de projeto de pesquisa. Esses são alguns dos resultados do Projeto Safety, desenvolvido pelo Centro de Ciências da Saúde (CCS), que completou quatro meses. Lançado em 31 de março, o projeto tem o objetivo de abordar informações sobre o novo coronavírus e a COVID-19.

A professora Marselle Nobre de Carvalho, chefe do Departamento de Saúde Coletiva do CCS e coordenadora do projeto, lembra que os trabalhos começaram como projeto de extensão, com cerca de 15 pessoas em apenas dois grupos de trabalho. “Naquele momento, o Brasil ainda não aparecia nos rankings internacionais de número de casos confirmados e mortes no mundo. A pandemia tinha como epicentro a Europa, países como Itália, Espanha, Portugal, França. Tinha acabado de chegar ao Brasil”. Hoje, o país tem mais de 104 mil mortos e mais de 3,17 milhões casos confirmados.

(Divulgação/Projeto Safety)

O projeto nasceu com em uma rede social para difundir informações sobre as melhores evidências científicas sobre o vírus e a doença e, também, para combater as informações falsas. Atualmente, além da rede social, o Safety conta com site, página no Facebook e canal no Youtube. A professora Marselle Nobre de Carvalho destaca a publicação dos boletins do projeto, sendo o primeiro publicado em 24 de maio. A professora detalha outras ações. Confira o áudio.

Sobre as próximas atividades, a expectativa é continuar produzindo os boletins informativos semanais, realizar as rodas de conversa e o Papo Safety. Conforme a professora, “estimulando, portanto, o debate e a reflexão sobre o vírus e a doença, informando, divulgando informações corretas”. Haverá séries especiais do boletim informativo e a primeira será sobre a segurança e a proteção de trabalhadores no contexto da pandemia.

Hoje, as rodas de conversa e o Papo Safety são em vídeo e serão transformados em podcasts (arquivos de áudio). A proposta também é realizar parcerias com emissoras de rádio para divulgação de conteúdo formativo e informativo. Atualmente, o Projeto Safety firmou parceria com uma rádio web. Trata-se da Rádio Alma Londrina. A professora Marselle afirma que a expectativa é expandir a atuação para a pesquisa. Confira o áudio.

Ambiente escolar – Os membros do Projeto safety também produziram um documento importante que trata da prevenção da doença nas escolas: “Sobre medidas de prevenção e controle da COVID-19 no ambiente escolar”. Em formato de perguntas e respostas, o documento aborda dúvidas recorrentes sobre a transmissão do novo coronavírus e as formas de se prevenir e controlar a doença. “Cuidados sobre quando (e como) reabrir as escolas/universidades são necessários porque há evidências de aumento das taxas de infecção após a reabertura”, afirma o documento. Para ter acesso à íntegra do material – LEIA AQUI.

vestibular UEL 2023 inscrição
vestibular UEL 2023 inscrição
Vestibular-2023-uel
Vestibular-2023-uel
previous arrow
next arrow
Leia também