Livro defende condição da liberdade docente na Educação Infantil

Livro defende condição da liberdade docente na Educação Infantil

Os textos selecionados são resultado do projeto de extensão “Apropriações Teóricas e suas Implicações na Educação Infantil”.

A professora do Departamento de Educação, do Centro de Educação, Comunicação e Artes (CECA), Cassiana Magalhães, e  a estudante do curso de Pedagogia, Juliana Carbonieri, são as organizadoras do livro “A teoria como condição da liberdade docente na educação infantil”, que será lançado esta semana, publicado pela editora CRV (Curitiba).

A obra defende a necessidade de uma teoria como condição da liberdade docente na educação infantil, porque por meio da apropriação teórica, o professor será capaz de organizar as formas mais adequadas para promover o processo de humanização. Nas palavras da professora Cassiana, “temos que estudar e nos fortalecer com a teoria”.

Os textos são resultado do projeto de extensão “Apropriações Teóricas e suas Implicações na Educação Infantil”, coordenado pela professora Cassiana Magalhães. Os autores foram convidados a participar de jornadas de estudos com professores da Educação Infantil da jurisdição do Núcleo Regional de Educação de Londrina. Dezenove municípios estão envolvidos no projeto de extensão. A professora Cassiana explica que os participantes se reuniram, estudaram textos teóricos, assistiram a palestras, foram ouvidos, entre outras atividades. A coordenadora do projeto destaca a participação atuante da equipe do NRE.

“As contribuições partilhadas nos encontros se materializaram no escrito para que outros também possam ver, estudar, refletir e se apropriar dos conhecimentos teóricos vislumbrando transformações na prática pedagógica”, conta a professora Cassiana. Ela lembra ainda que o projeto se preocupa em disseminar os conhecimentos, seja para o membro que eventualmente perdeu alguma atividade, seja para a comunidade geral. Por isso foram criados o blog e o canal no YouTube, onde farto material está disponibilizado.

Lançamento acontecerá no próximo dia 9, às 19 horas, no Canal do YouTube do Blog BaguncEI

Ainda em relação à obra, a professora conta que são 19 autores, entre professores da UEL, UNESP e outras instituições. O livro também presta homenagem à professora Andreia Maria Cavaminami Lugle (UEL), que teria um capítulo publicado, mas faleceu no ano passado.

Lançamento – O lançamento do livro acontecerá no próximo dia 9, às 19 horas, no Canal do YouTube do Blog BaguncEI, e contará com a participação especial da professora Suely Amaral Mello (UNESP/Marília), militante da educação infantil e inspiradora da ideia que gestou o nome do livro. Segundo Cassiana, a professora Suely defende esta ideia em suas palestras e já fez um alerta aos educadores: “Se não adotarmos uma teoria, o senso comum nos adota”.

vestibular UEL 2023 inscrição
vestibular UEL 2023 inscrição
Vestibular-2023-uel
Vestibular-2023-uel
previous arrow
next arrow
Leia também