UEL e Universidade americana ofertam curso de formação em Educação Bilíngue

UEL e Universidade americana ofertam curso de formação em Educação Bilíngue

Os interessados deverão fazer pré-inscrição via Google Forms para reservar a vaga.

Para atender as novas diretrizes do ensino bilíngue no Brasil, determinadas pelo Conselho Nacional de Educação (CNE), a UEL ofertará a partir de fevereiro o curso de extensão “Formação em Educação Bilíngue”, em parceria com a Western Oregon University – EUA. A realização é do Departamento de Letras Estrangeiras Modernas, do Centro de Letras e Ciências Humanas (CCH), em articulação com o Programas de Pós-graduação em Educação, Programa de Pós-graduação em Estudos da Linguagem, e o Mestrado Profissional em Letras Estrangeiras Modernas.

A formação é voltada para professores de inglês de todo o país, que atuam diretamente com o ensino bilíngue. Conforme o Parecer 02/2020, do CNE, as escolas que se denominam como bilíngues deverão cumprir todas as exigências normativas, sendo uma delas a apresentação de certificado de formação complementar em Educação Bilíngue de, no mínimo, 120 horas para os educadores, até dezembro de 2021. O parecer, já aprovado, aguarda homologação.

(Divulgação)

A coordenação do curso na UEL é da professora Michele Salles El Kadri, do Departamento de Letras Estrangeiras Modernas, juntamente com a mestranda do Programa de Pós-graduação em Educação, Vivian Saviolli. Também está à frente na organização do curso de extensão, a professora Maria Dantas-Whitney, coordenadora do Bilingual Teacher Scholars Program, da Western Oregon University.

Curso – A previsão de início é dia 25 de fevereiro, com duração de um semestre. As serão ministradas às quintas-feiras, das 19 às 21h30, por meio da plataforma Google Classroom e Zoom. A formação é destinada a professores atuantes na Educação Bilíngue e alunos dos cursos de Letras-Inglês e Pedagogia.

As aulas serão ministradas por diversos professores renomados de instituições internacionais e nacionais, entre eles, Maria Dantas-Whitney, da Western Oregon University, Michele El Kadri (UEL), Luciana Cabrini, da Universidade Estadual de Maringá (UEM), Taisa Passoni, Universidade Federal Tecnológica do Paraná (UTFPR) e Vivian Saviolli, mestranda da UEL e coordenadora pedagógica do Colégio St. James’ International School.

O curso traz conteúdos direcionados à formação de modo teórico-prático e que prevê pesquisa-ação baseada no contexto de atuação do professor. A formação engloba desde as fases de desenvolvimento infantil, concepções de bilinguismo, boas práticas no ensino bilíngue, metodologias para o ensino bilíngue, até a Base Nacional Comum Curricular (BNCC) e uso de tecnologias. Confira mais informações – AQUI.

Inscrição – Os interessados deverão fazer uma pré-inscrição via Google Forms para reservar a vaga. Para ter acesso ao link de pré-inscrição, é preciso entrar em contato pelo e-mail formacaoeducacaobilingue@gmail.com ou pelo contato (43) 9 8412-3333. Em meados de fevereiro, será enviado o link de inscrição final para pagamento via formulário da UEL.

O investimento é de 10 parcelas de R$ 180,00, para inscrições individuais, via boleto da FAUEL. Os preços são diferenciados para grupos escolares acima de 10 inscrições. Para pagamento à vista tem desconto.

Parceria – Segundo Michele Salles El Kadri, a parceria com a universidade americana se deu devido a projetos realizados anteriormente com a professora Maria Dantas Whitney, como por exemplo o curso da metodologia Content and Language Integrated Learning (CLIL), financiado pela Embaixada Americana. Essa atuação conjunta para o curso, seria então um desdobramento das ações. “Quando surgiu a necessidade de oferecermos esse curso pela demanda das escolas que trabalham com o ensino bilíngue, a convidamos para fazer parte e organizar o curso conosco, reconhecendo todo o expertise que eles tem lá”, explica a professora da UEL.

Para Michele, esta ação colabora com a internacionalização da UEL ao garantir parcerias internacionais sustentáveis, que tem potencial para trazer uma nova perspectiva para os currículos da Universidade. “Estamos colaborando com um parceiro internacional para dar conta de uma demanda local e juntos construirmos qual seria a base para a formação bilíngue no Brasil. São parcerias que promovem a colaboração na pesquisa e nas demandas da sociedade que são importantes para a internacionalização dos Programas de Pós-graduação”, afirma.

Mais informações sobre o curso “Formação em Educação Bilíngue” pelo e-mail formacaoeducacaobilingue@gmail.com ou pelo WhatsApp (43) 9 8412-3333.

pss professor uel
especializaçao pos uel
isenção vestibular uel
PSS-UEL
especializacao-uel-2022
isencao-vestibular-uel-2023
previous arrow
next arrow
Leia também