ATI viabiliza primeira eleição eletrônica da UEL via software público

ATI viabiliza primeira eleição eletrônica da UEL via software público

Também integra a iniciativa a equipe da Fábrica de Software, formada por servidores, estudantes de graduação e pós-graduação da Universidade.

Pela primeira vez, a UEL faz leição de forma eletrônica. Será nesta terça-feira (17), das 8 às 17 horas. Professores poderão escolher um representante docente de cada Centro de Estudo para o Conselho Universitário. A votação será realizada por meio do Sistema SAELE, plataforma de software público do Governo Federal, que estará disponibilizada no Portal do Servidor. O formato de pleito é adaptado pela Assessoria de Tecnologia de Informação (ATI), em atuação direta com as Comissões Eleitorais.

Como explica Wellington Cardador, assessor da ATI, foi utilizado um software pronto, desenvolvido pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), e adaptado pela equipe da Fábrica de Software, formada por servidores e estagiários de cursos de graduação, que atuam na ATI. Para ser implantado, o sistema foi devidamente votado e aprovado pelo Conselho Universitário da Universidade, em agosto deste ano. “É um sistema bem consolidado, de origem confiável”, afirma. Ele ainda compara o sistema ao usado em urna eletrônica, utilizadas nas eleições. “Tem a zerésima, antes de iniciar a votação. Terminou o horário, pouco tempo depois já tem o resultado”, diz.

A organização da eleição eletrônica teve uma atuação conjunta da ATI. A Fábrica de Software fez adaptação de códigos e de layout, para melhorar a estética no sistema e adotar o padrão dos sistemas da Universidade, integrou o sistema de autenticação de usuários e fez testes e treinamento da equipe de suporte no sistema. A ação envolveu também a Diretoria de Suporte ao Usuário (DSU), que realizou treinamento e acompanhamento junto aos administradores do Sistema, e a Diretoria de Suporte a Redes e sistemas (DSRS), que fez instalação do servidor, monitoramento e disponibilidade do serviço. Além disso, durante toda a votação, a equipe da Assessoria ficará de plantão para sanar dúvidas e resolver eventuais problemas técnicos.

Eleição – A votação será realizada exclusivamente de forma eletrônica e o eleitor poderá votar a partir de qualquer computador conectado à internet. Para ter acesso à votação, o eleitor deverá informar seu número de chapa funcional e respectiva senha de acesso ao Portal do Servidor. Confira um exemplo de como é o processo da eleição.

Conforme o Ato Executivo 38/2020, podem votar os docentes lotados em cada Centro no efetivo exercício da função, com exceção dos professores sênior, visitante, licenciados sem remuneração, à disposição de outros órgãos públicos, em disposição funcional, em função especial ou afastados em decorrência de decisão proferida em processo administrativo disciplinar.

Serão eleitos um representante docente de cada Centro de Estudos, não vinculados a qualquer instância administrativa, para o Conselho Universitário – mandato no período 2020/2022. O mandato tem início no dia 11 de dezembro.

Software – Projeto institucional criado dentro da ATI, a “Fábrica de Software” é composta por servidores, estudantes de graduação e pós-graduação. A equipe já desenvolveu importantes projetos para a Universidade, como o aplicativo UEL Mobile, que reúne serviços úteis para comunidade interna, especialmente direcionado aos alunos dos cursos de graduação. Entre os projetos mais recentes está o desenvolvimento do Projeto de Vigilância da COVID-19, um instrumento de pesquisa que acompanha diariamente a saúde dos servidores e professores da UEL. Em fase de testes, está o projeto do Portal da Transparência, que reunirá as informações da Universidade para consulta em um chat bot.

pss professor uel
especializaçao pos uel
isenção vestibular uel
PSS-UEL
especializacao-uel-2022
isencao-vestibular-uel-2023
previous arrow
next arrow
Leia também