NEAB marca mês da Consciência Negra com série de debates e palestras

NEAB marca mês da Consciência Negra com série de debates e palestras

Nesta terça-feira (9), às 19 horas, tem lançamento do livro "Modernidades Negras - a formação Racial Brasileira (1930-1970).

publicado por

Agência UEL


O Núcleo de Estudos Afro-Brasileiros (NEAB) e parceiros promovem durante o mês de novembro uma série de atividades e debates para marcar o Dia da Consciência Negra, dia 20 de novembro. São lançamento de livro, conferências, debates e palestras. Participam pesquisadores e professores da UEM, UNICENTRO, UNICAMP, UFC e UFPR.

Nesta terça-feira (9), às 19 horas, tem a live de lançamento do livro “Modernidades Negras – a formação Racial Brasileira (1930-1970) – 296 páginas, Editora 34 – de autoria de Antonio SérgiO Alfredo Guimarães, professor da Universidade de São Paulo (USP). O evento de lançamento, que será transmitido pelo Canal do NEAB, tendo como coordenadora a diretora do NEAB, professora Maria Nilza da Silva, com participação de Matheus Gato (UNICAMP), Alex Eleotério (UNESPAR).

Lançamento de livro abre série de atividades em comemoração ao Mês da Consciência Negra (Divulgação).

Confira abaixo a programação completa do dia 9 a 23 de novembro.

Lançamento do Livro Memórias Negras – A Formação racial brasileira (1930-1970) – 9 de novembro, às 19 horas – Youtube NEAB UEL.

Participantes: Antônio Sérgio Guimarães – USP/UFBA, Matheus Gato – UNICAMP Maria Nilza da Silva – UEL

Práticas de Resistência no Paraná: Experiências de luta das comunidades negra, indígena e quilombola – 18 de novembro, das 9 às 22 horas.

Manhã: 9 horas.

Mesa 1: Práticas de Resistências no Paraná: Experiências de luta das comunidades negra, indígena e quilombola

Participantes: Maria Arlete Ferreira da Silva – Representante Quilombola (UNIOESTE), Géssica Nunes – Professora e Estudante – Etnia Guarani Nhandewa (UEM), Thais Rodrigues – Religião de Matriz Africana (UNICENTRO), Dalzira Yá Gunan – Movimento Negro e Religião de Matriz Africana (UFPR).

Tarde: Das 15 às 19 horas.

PALESTRAS (UNICENTRO):

Descolonizando costumes (15 às 16 horas)

Participantes: Ana Paula Wagner  (UNICENTRO), Celso Japoty Alves Yvyrupa (UNICENTRO)

Negritude e Universidade (16 às 17 horas).

Participantes: Professora Paula Marques (UNICENTRO), Mediação: Fernanda Sabei (UNICENTRO)

Literatura antirracista – Diálogos Literários, das 17h30 às 18h30.

Participantes: professora Raquel Terezinha Rodrigues (UNICENTRO), professor Edson Santos Silva (UNICENTRO), Mediação: professor Orlando Luiz de Araújo (UFC).

Noite: 19 horas.

Mesa de Abertura (UEM, UEL, UNICENTRO, UEPG, UNESPAR, UENP, UNIOESTE)

Conferência Final do Projeto UNESCO – As Ações Afirmativas e o combate ao racismo na Universidade, com Dra. Dora Lucia Bertúlio (Procuradora de Justiça Federal – UFPR) -após a conferência: Apresentação de manifesto para as universidades que não adotaram cotas para a população negra, UNICENTRO e UNIOESTE.

O evento faz parte do projeto aprovado pela Cátedra UNESCO. Aconteceram dois eventos promovidos pela UEPG (setembro) e UENP (outubro). PROJETO CÁTEDRA UNESCO – Universidades Estaduais do Paraná na luta contra o racismo)

Religião e racismo no Brasil – Dia: 23 de novembro, às 19 horas.

Participantes: Dalzira Yá Gunan – Movimento Negro e Religião de Matriz Africana (UFPR); Ilidio Fernando – Religião Cristã Protestante (UEL); José Cristiano Bento dos Santos – Religião Cristã Católica (UEL).

Mais informações pelo e-mail neab@uel.br.

Leia também